Assista nossos programas:

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

PEIXE BETTA PARA DONOS DE PRIMEIRA VIAGEM


PEIXE BETTA: PRATICIDADE NO MANEJO E RESISTÊNCIA FAZEM DELE O BICHO DE ESTIMAÇÃO IDEAL PARA OS DONOS DE PRIMEIRA VIAGEM
Biólogo Paulo Machado, diretor técnico da Megazoo, explica os cuidados necessários para a manutenção do aquário e alimentação dos peixes ornamentais

Ao lado dos cães e gatos, cada vez mais animais exóticos têm conquistado os lares dos brasileiros. Especialmente os peixes Bettas, devido à sua resistência, aliada ao seu baixo custo de manutenção, são ótimas opções para os donos ainda inexperientes. Segundo o biólogo Paulo Machado, diretor técnico da MEGAZOO, fabricante da primeira linha nacional de alimentos super premium para peixes, os Bettas são animais extremamente dóceis e práticos de criar, além de bastante resistentes. “Ao mesmo tempo em que são rústicos, são também tão mansos que alguns chegam até a comer na mão de seu criador”.

O especialista chama atenção, no entanto, para que antes de optar pela espécie como pet, é de extrema importância que o dono tenha em mente sua responsabilidade de cuidar de um ser vivo. “Mesmo um peixe, apesar de pequeno e de seu preço acessível, exige cuidados, como a manutenção do aquário bem como uma alimentação de qualidade”.

http://www.estimacao.com.br/wp-content/uploads/2011/06/betta1.jpg?9d7bd4Para o especialista, o ideal é manter o Betta em um aquário longe do sol,  e que contenha capacidade para mais de 1 litro, para garantir a limpeza e qualidade da água. “Os Bettas devem ser criados separadamente, porque são muito territorialistas, mas ainda assim precisam de um aquário espaçoso”. Paulo explica ainda que em um aquário pequeno, em apenas 24 horas a quantidade de amônia na água fica bastante elevada, causando a longo prazo até mesmo a morte do animal. “O Betta também vai ficando desbotado, além de suas nadadeiras e guelras ficarem comprometidas quando em contato com a substância”, alerta Paulo.

De acordo com o biólogo, o ideal é que o aquário contenha um sistema de filtragem para facilitar a higienização do espaço. “Com o filtro, o dono precisa trocar 1/3 da água a cada 15 dias. Já sem o aparelho é necessária a troca total da água duas vezes por semana, acertando os níveis de pH da água com produtos específicos, como condicionadores”. Além da água bem tratada, Paulo indica o uso de cascalho ou areia no fundo do aquário, que servem como substrato para colonização de bactérias redutoras da amônia.

Alimentação diferenciada
Os peixes Bettas apresentam características bastante peculiares à espécie, como seu intestino curto e o fato de serem carnívoros. Pensando nisso, Paulo Machado explica que oferecer ao animal um alimento específico que atenda todas as suas necessidades garante uma maior qualidade de vida. “Os Bettas são peixes carnívoros que precisam de uma nutrição com um teor protéico alto, porém, devido ao seu intestino pequeno, a passagem do bolo alimentar é mais rápida, daí a necessidade de um alimento que possa ser aproveitado 100%”. Isso porque o excesso da substância no organismo é rapidamente eliminado, gerando o acúmulo de fezes no aquário.

Outro fator que deve ser levado em consideração na hora de alimentar os peixes é a sua coloração. Isso porque segundo a veterinária Danyelli Ornela, gerente de produção da MEGAZOO, alguns ingredientes ingeridos pelos peixes alteram significativamente sua cor natural, daí a importância de oferecer produtos que deixem esses animais com cores mais intensa. Sempre atenta às inovações do mercado pet, a fabricante é a única no Brasil a oferecer um alimento específico para Bettas de colocação escura e outro para peixes de tonalidade vermelha e dourada.

Megazoo - Betta (1).jpg“Todos os nossos alimentos para peixes ornamentais possuem pigmentantes que intensificam as cores, porém, nos alimentos para Bettas utilizamos uma concentração bem maior devido ao potencial desses animais de adquirirem uma coloração mais vibrante”.

Para finalizar, Paulo Machado explica que apesar dos cuidados na hora de limpar o aquário e alimentar os animais, o Betta ainda é uma excelente opção para os donos que estão começando a cuidar de pets, em especial as crianças. “O tempo gasto com a manutenção do aquário é muito inferior ao dedicado a um cachorro ou gato, por exemplo, e os gastos também são muito menores. Um pote de 15 g da Ração para Bettas Megazoo, por exemplo, custa a partir de R$ 10,90 e dura meses”.

Sobre a MEGAZOO
Fundada em 1999 pelo Grupo Regon, a MEGAZOO é pioneira no setor de nutrição super premium para aves, peixes e primatas. O objetivo inicial era suprir a carência nutricional dos pássaros existentes no criatório do Vale Verde Parque Ecológico, em Betim, Minas Gerais, de propriedade do empresário Luiz Otávio Possas Gonçalves, hoje, um dos sócios da empresa. Com o sucesso do programa de alimentação balanceada para essas aves a holding criou a marca que confirma o compromisso de inovar e agregar qualidade aos alimentos para aves exóticas e silvestres.

Além da linha de alimentos específica para aves, que inclui Rações, Papas, Farinhadas, Mix, Reprodução e Linha Especial para diversas espécies, a empresa conta ainda com um segmento específico para primatas. Recentemente, a MEGAZOO entrou no mercado de peixes com sua linha 100% natural (Tropical para Aquários Comunitários, Bettas, Goldfish e Lagos). Para aprimorar ainda mais a qualidade dos produtos, a marca troca experiências com criatórios em outros países. Nesta relação, destacam-se a Alemanha, Espanha, Estados Unidos, Portugal e República Tcheca.

Serviço:
Rações MEGAZOO
SAC:             0800 725 0950