Assista nossos programas:

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

LABORATÓRIO MUNDO ANIMAL REALIZA ENTREGA DE DOAÇÕES DE NATAL NA ONG PROJETO CEL



Campanha Pet Solidário nas redes sociais da empresa teve como objetivo a conscientização sobre a posse responsável e cuidados com a higiene e saúde dos cães e gatos

Com o objetivo de promover um Natal diferente aos cerca de 600 cães e gatos abandonados da ONG projeto Cel, o Laboratório Veterinário Mundo Animal promoveu durante o mês de dezembro a campanha “Natal Pet Solidário” em suas redes sociais. A ação que incentivou a posse responsável e a adoção de animais carentes movimentou centenas de seguidores da empresa e da entidade no Facebook, que participaram compartilhando fotos e histórias sobre a relação com seus animais de estimação.

A campanha foi encerrada no último dia 15 de dezembro, quando houve a divulgação das três melhores histórias e fotos, bem como a entrega de uma doação de produtos feita pela Mundo Animal aos animais do Projeto Cel. Dentre os itens doados pela fabricante destacam-se o vermífugo Mectal e Mectal Gatos, eficazes no combate de endoparasitos nas formas adultas e larvais, além do sabonete líquido Pulgoff PLUS e o shampoo Astor Citronela, específicos para o tratamento de pulgas e carrapatos nos cães. Os vencedores da campanha também receberam em casa um dos três kits exclusivos com produtos da Linha Good Pet, Pulgoff e Good Care.

Segundo Eliete Brognoli, fundadora da entidade, as doações vão ajudar a manter os cães e gatos disponíveis para adoção, saudáveis e prontos para receberem um novo lar. “Agradecemos muito ao Laboratório Mundo Animal por esta ação tão humanitária em prol dos animais carentes. Gostaria de agradecer também às pessoas que participaram da campanha no Facebook e as que ajudaram na divulgação”.

De acordo com a veterinária Vanessa Lopes, responsável técnica da Mundo Animal, com o saldo bastante positivo da ação, a ideia é manter parcerias com entidades responsáveis como o Projeto Cel também em 2012. “Ainda há muito o que fazer para mudar a realidade do abandono de animais no país, mas fazemos questão de reconhecer e apoiar instituições que se comprometem com a causa e que fazem a diferença”.

Só em 2011 o Projeto Cel auxiliou 1.103 animais a encontrarem um novo lar. Para os interessados, a entidade realiza semanalmente feiras de adoção em algumas unidades da Rede Pet Center Marginal. É possível ainda ser um padrinho de um animalzinho abandonado, contribuindo com doações em dinheiro para a entidade ou colaborar adquirindo os produtos patenteados da instituição.

Sobre o laboratório Veterinário Mundo Animal
Com 25 anos de atuação no mercado, o labora tório veterinário Mundo Animal é uma empresa 100% brasileira localizada em São Paulo, que tem como marca o investimento em novas tecnologias para desenvolver e fabricar produtos voltados à saúde e bem-estar dos animais de estimação. A linha completa é composta antiparasitários (contra vermes, pulgas e carrapatos), produtos terapêuticos (como antibióticos e antiinflamatórios, por exemplo), suplementos alimentares, educadores (atrativos sanitários, repelentes de lugar, entre outros), pesticidas e itens higiene e beleza. Todas as linhas produzidas na planta fabril possuem o mais alto padrão, pois seguem normas internacionais (BPF – Boas Práticas de Fabricação), que garantem qualidade total desde a aquisição do princípio ativo, passando por todas as etapas produtivas. Com fortes valores éticos e sociais, a Mundo Animal também garante que os processos de fabricação não agridem o meio-ambiente nem a comunidade onde está inserida.

Serviço
Laboratório Veterinário Mundo Animal
www.mundoanimal.vet.br
SAC: 0800 772 25 23
Facebook: http://www.facebook.com/LaboratorioMundoAnimal

Projeto Cel
http://www.projetocel.org.br
Facebook: http://www.facebook.com/ProjetoCEL

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Butantan faz alerta para acidentes com animais peçonhentos no calor

Ocorrências crescem 80% no período e podem ser evitadas com alguns cuidados básicos



O Instituto Butantan, órgão ligado à Secretaria de Estado da Saúde, faz um alerta para os cuidados que devem ser tomados para evitar acidentes com animais peçonhentos, principalmente com a proximidade do verão e a elevação das temperaturas. O número de casos aumenta cerca de 80% de novembro a março, os meses mais quentes do ano.
É muito importante que as pessoas saibam como proceder em caso de acidentes com esses animais. Diferentemente do que se costuma ouvir, não se deve amarrar o local do ferimento, já que essa ação pode produzir necrose e não evita a disseminação do veneno. Em caso de acidentes com cobras, por exemplo, deve-se lavar o local afetado somente com água e sabão e não passar nenhum outro produto ou medicação.
Quanto à ferroada de escorpião, a primeira medida que deve ser adotada é colocar compressas de água morna sobre a ferida. Isso ajudará a aliviar a dor até a chegada ao serviço de saúde mais próximo. Por outro lado, em caso de picadas de aranhas e queimaduras de taturanas é importante não mexer no ferimento e procurar atendimento médico imediatamente.
“É fundamental que as pessoas sigam essas recomendações em casos de acidentes com animais peçonhentos e procurem, o quanto antes, o serviço médico. Isso garantirá o diagnóstico precoce e um tratamento eficaz”, alerta o diretor-médico do hospital Vital Brazil, Carlos Medeiros.
O Instituto Butantan disponibiliza para a população um telefone de orientação em casos de emergência e acidentes com animais peçonhentos. O serviço funciona 24 horas por dia e orienta o cidadão sobre o local mais próximo para atendimento.            (11) 3726-7962      .
Dicas de prevenção também estão disponíveis no site www.butantan.gov.br.

O que fazer em caso de acidentes:

Lavar o ferimento com água e sabão;
Lavar o local da picada apenas com água ou com água e sabão;
Dar bastante água à vítima para manter a hidratação;
Procurar serviço médico o quanto antes;
O que não fazer em caso de acidentes:

Cortar ou furar o local da picada para tentar extrair o veneno;
Fazer torniquetes, ou seja, amarrar o local para evitar a circulação sanguínea;
Em caso de aparecimento de algum animal peçonhento, tentar removê-lo sem ajuda de um profissional qualificado;
Não passar produtos como manteiga, cremes ou outras substancias gordurosas no local do ferimento;

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

SEXTA-FEIRA MUNDIAL SEM PELE


Estilistas são principais alvos dos manifestantes,
que pedem fim do sofrimento animal

No próximo dia 25 acontece a quarta edição da “Sexta-feira Mundial Sem Pele” (Worldwide Fur Free Friday) – um dos protestos de ação global de maior relevância na luta pelos direitos animais. No ano passado, houve protestos em 200 grandes cidades nos cinco continentes pedindo o fim do comércio de peles.  No Brasil, a manifestação vai acontecer na Avenida Paulista, em frente ao MASP, a partir das 16h.

“O objetivo do protesto é alertar a população sobre a curueldade que se  esconde por trás das peles de animais utilizadas pela indústria da moda e de decoração. Milhões de animais continuam sendo esfolados ainda vivos e mortos depois, incluindo cães e gatos, tudo em nome da moda e do consumo, seja para um casaco, um brinquedo ou um enfeite qualquer”, diz Fábio Paiva, coordenador do braço verde-amarelo da International Anti-Fur Coalition.

Na opinião do ativista, “matar animais para satisfazer a vaidade é uma atitude imoral e injustificável, principalmente nos dias de hoje – em que a verdade dos fatos vem logo à tona. Mais ainda: há peles sintéticas tão bonitas e até mais duráveis que as naturais”. Apesar de tudo, infelizmente, o Brasil ocupa a liderança na exportação mundial de peles de chinchilas.

A “Sexta-feira Mundial Sem Pele” foi criada pela International Anti-Fur Coalition (Coalizão Internacional Anti-Pele) em parceria com o movimento Fur-Free Friday (Sexta-feira sem pele), que é muito popular nos Estados Unidos e acontece logo após o Dia de Ação de Graças. Estilistas que insistem no uso de pele animal em suas coleções são alvos frequentes de críticas dos manifestantes – que esperam conscientizar um número cada vez maior de profissionais e empresários do setor. 
                                                                                                                   

SERVIÇO
Sexta-feira Mundial Sem Pele
Quando: dia 25/11, às 16h
Onde: Av. Paulista, em frente ao MASP

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

NATAL PET: BOMBONS PARA CÃES GANHAM EMBALAGEM ESPECIAL PARA CELEBRAR DATA


Ideais para presentear o melhor amigo canino, chocolates na versão Crocante e Wafer da V.I.P.dog prometem um fim de ano mais gostoso e seguro para os pets




As festas de fim de ano são marcadas por muitas guloseimas para os humanos, e agora, se depender da fabricante de chocolates caninos V.I.P dog, o Natal dos cães também será delicioso. A marca acaba de lançar uma versão comemorativa dos bombonsCrocante e Wafer para presentear os cãezinhos que se comportaram bem ao longo do ano. As embalagens da edição especial possuem motivos natalinos, deixando o produto mais atrativo, convidando os donos a lembrarem de seus pets na hora das compras dos presentes.

 “Nas festas de fim de ano, as pessoas costumam consumir panettones, chocolates, entre outras guloseimas típicas da data. A V.I.P.dog encontrou uma maneira de inserir nossos amiguinhos nesses momentos”, explica o diretor industrial da fabricante, Julius Erwin Kaeser. O doce se assemelha muito ao chocolate humano, porém sem a adição de açúcar e cacau, ingredientes altamente tóxicos ao organismo dos cães. Segundo Kaeser, os chocolates são feitos com um a mistura de leite, amido, gordura vegetal, maltodextrina e aroma de baunilha.

Em ambas as versões, o consumo diário recomendado varia de acordo com o porte do animal: os pequenos devem ingerir até 10 unidades; os médios, 15 unidades; e os grandes, até 20 unidades.


Wafer Bombons V.I.P.dog
Biscoitos wafers recheados e cobertos com chocolate especial para cães.
Composição: Gordura vegetal estabilizada, leite desnatado, farinha de trigo, amido, bicarbonato de sódio, extratos protéicos vegetais, antioxidante natural lecitina de soja, frutose, aroma baunilha, corante natural caramelo. Também pode ser consumido por humanos.
Apresentação: embalagem com 40 g
Preço sugerido: R$ 7,00


Bombons Crocantes V.I.P.dog
Bombons de chocolate especial com amendoim para cães
Composição: Leticina de soja, amido, proteína texturizada de soja, antioxidante, leite desnatado em pó, gordura vegetal estabilizada, aroma de leite, palatabilizante, extrato protéico vegetal.
Apresentação: embalagem com 60g
Preço sugerido: R$ 7,50

Sobre a V.I.P.dog
Especializada em petiscos para cães, a V.I.P.dog, sediada em Araucária, região metropolitana de Curitiba (PR), fabrica guloseimas sem adição de cacau ou açúcar, ingredientes que podem fazer mal à saúde dos animais. Além disso, a marca trabalha com um design moderno em suas embalagens, garantindo produtos visualmente inovadores. Os petiscos são feitos a partir de uma fórmula semelhante a do chocolate, desenvolvida pelo mestre chocolatier Julius Erwin Kaeser. Formado pela renomada escola alemã The Central College of the German Confectionery Industry ZDS, o empresário trabalhou por 20 anos em uma multinacional suíça de alimentos e agora se dedica à linha de petiscos exclusiva para pets.

Serviço:
V.I.P.dog
Tel.: (41) 3643-4664

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

PEIXE BETTA PARA DONOS DE PRIMEIRA VIAGEM


PEIXE BETTA: PRATICIDADE NO MANEJO E RESISTÊNCIA FAZEM DELE O BICHO DE ESTIMAÇÃO IDEAL PARA OS DONOS DE PRIMEIRA VIAGEM
Biólogo Paulo Machado, diretor técnico da Megazoo, explica os cuidados necessários para a manutenção do aquário e alimentação dos peixes ornamentais

Ao lado dos cães e gatos, cada vez mais animais exóticos têm conquistado os lares dos brasileiros. Especialmente os peixes Bettas, devido à sua resistência, aliada ao seu baixo custo de manutenção, são ótimas opções para os donos ainda inexperientes. Segundo o biólogo Paulo Machado, diretor técnico da MEGAZOO, fabricante da primeira linha nacional de alimentos super premium para peixes, os Bettas são animais extremamente dóceis e práticos de criar, além de bastante resistentes. “Ao mesmo tempo em que são rústicos, são também tão mansos que alguns chegam até a comer na mão de seu criador”.

O especialista chama atenção, no entanto, para que antes de optar pela espécie como pet, é de extrema importância que o dono tenha em mente sua responsabilidade de cuidar de um ser vivo. “Mesmo um peixe, apesar de pequeno e de seu preço acessível, exige cuidados, como a manutenção do aquário bem como uma alimentação de qualidade”.

http://www.estimacao.com.br/wp-content/uploads/2011/06/betta1.jpg?9d7bd4Para o especialista, o ideal é manter o Betta em um aquário longe do sol,  e que contenha capacidade para mais de 1 litro, para garantir a limpeza e qualidade da água. “Os Bettas devem ser criados separadamente, porque são muito territorialistas, mas ainda assim precisam de um aquário espaçoso”. Paulo explica ainda que em um aquário pequeno, em apenas 24 horas a quantidade de amônia na água fica bastante elevada, causando a longo prazo até mesmo a morte do animal. “O Betta também vai ficando desbotado, além de suas nadadeiras e guelras ficarem comprometidas quando em contato com a substância”, alerta Paulo.

De acordo com o biólogo, o ideal é que o aquário contenha um sistema de filtragem para facilitar a higienização do espaço. “Com o filtro, o dono precisa trocar 1/3 da água a cada 15 dias. Já sem o aparelho é necessária a troca total da água duas vezes por semana, acertando os níveis de pH da água com produtos específicos, como condicionadores”. Além da água bem tratada, Paulo indica o uso de cascalho ou areia no fundo do aquário, que servem como substrato para colonização de bactérias redutoras da amônia.

Alimentação diferenciada
Os peixes Bettas apresentam características bastante peculiares à espécie, como seu intestino curto e o fato de serem carnívoros. Pensando nisso, Paulo Machado explica que oferecer ao animal um alimento específico que atenda todas as suas necessidades garante uma maior qualidade de vida. “Os Bettas são peixes carnívoros que precisam de uma nutrição com um teor protéico alto, porém, devido ao seu intestino pequeno, a passagem do bolo alimentar é mais rápida, daí a necessidade de um alimento que possa ser aproveitado 100%”. Isso porque o excesso da substância no organismo é rapidamente eliminado, gerando o acúmulo de fezes no aquário.

Outro fator que deve ser levado em consideração na hora de alimentar os peixes é a sua coloração. Isso porque segundo a veterinária Danyelli Ornela, gerente de produção da MEGAZOO, alguns ingredientes ingeridos pelos peixes alteram significativamente sua cor natural, daí a importância de oferecer produtos que deixem esses animais com cores mais intensa. Sempre atenta às inovações do mercado pet, a fabricante é a única no Brasil a oferecer um alimento específico para Bettas de colocação escura e outro para peixes de tonalidade vermelha e dourada.

Megazoo - Betta (1).jpg“Todos os nossos alimentos para peixes ornamentais possuem pigmentantes que intensificam as cores, porém, nos alimentos para Bettas utilizamos uma concentração bem maior devido ao potencial desses animais de adquirirem uma coloração mais vibrante”.

Para finalizar, Paulo Machado explica que apesar dos cuidados na hora de limpar o aquário e alimentar os animais, o Betta ainda é uma excelente opção para os donos que estão começando a cuidar de pets, em especial as crianças. “O tempo gasto com a manutenção do aquário é muito inferior ao dedicado a um cachorro ou gato, por exemplo, e os gastos também são muito menores. Um pote de 15 g da Ração para Bettas Megazoo, por exemplo, custa a partir de R$ 10,90 e dura meses”.

Sobre a MEGAZOO
Fundada em 1999 pelo Grupo Regon, a MEGAZOO é pioneira no setor de nutrição super premium para aves, peixes e primatas. O objetivo inicial era suprir a carência nutricional dos pássaros existentes no criatório do Vale Verde Parque Ecológico, em Betim, Minas Gerais, de propriedade do empresário Luiz Otávio Possas Gonçalves, hoje, um dos sócios da empresa. Com o sucesso do programa de alimentação balanceada para essas aves a holding criou a marca que confirma o compromisso de inovar e agregar qualidade aos alimentos para aves exóticas e silvestres.

Além da linha de alimentos específica para aves, que inclui Rações, Papas, Farinhadas, Mix, Reprodução e Linha Especial para diversas espécies, a empresa conta ainda com um segmento específico para primatas. Recentemente, a MEGAZOO entrou no mercado de peixes com sua linha 100% natural (Tropical para Aquários Comunitários, Bettas, Goldfish e Lagos). Para aprimorar ainda mais a qualidade dos produtos, a marca troca experiências com criatórios em outros países. Nesta relação, destacam-se a Alemanha, Espanha, Estados Unidos, Portugal e República Tcheca.

Serviço:
Rações MEGAZOO
SAC:             0800 725 0950      

terça-feira, 20 de setembro de 2011

CADELA ADOTA UM LEITÃO COMO FILHO

Enquanto o ser humano maltrata os filhos dos seus semelhantes, como os casos que vemos todos os dias nos jornais e tv, o mundo animal mais uma vez dá um banho de sabedoria e evolução nos homens.

AS FOTOS DIZEM TUDO:









segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Encontro de cães westies acontece dia 18 de setembro no Clube de Cãompo, em Itu


Dicas sobre comportamento, desfile de moda pet, jogos imperativos, agility e distribuição de sorvete para os animais são algumas das atividades programadas para o encontro de westies deste ano. O evento é gratuito e aberto somente aos proprietários de cães da raça West Highland White Terrier

No dia 18 de setembro, das 10h às 16h, mais uma vez o Hotel Fazenda para cães Clube de Cãompo recebe o Encontro de Westies, promovido pelo Clube Paulista do Westie. Desta vez o evento tem como tema “Dê proteção à sua estimação”. A entrada é gratuita e o encontro é aberto a todas as pessoas que possuem um cão apenas da raça West Highland White Terrier, também conhecido como westie ou branquelo.

De acordo com Vivian de Mauro, diretora social do Clube Paulista do Westie, o encontro tem o apoio de várias empresas do segmento e já conta com diversas atividades programadas. “Teremos um desfile de moda com roupas para pets, jogos imperativos, dicas básicas sobre comportamento, distribuição de sorvete para os cachorros e piquenique”, explica. “O piquenique já é tradicional em nossas festas. E como sempre acontece, pedimos para que cada participante traga um doce ou salgado”, acrescenta.
Legenda: Encontro 2010

Escolhido para sediar o encontro por ser referência no que diz respeito à recepção e hospedagem de cães, o Clube de Cãompo vai preparar mais uma vez uma pista de agility, adaptada ao porte dos westies, para que os proprietários possam aprender noções básicas do esporte e testar suas habilidades na modalidade, conduzindo seus cães pelos obstáculos. O hotel, que possui 60.000 m2 de área verde, vai reservar espaços especiais para que os animais possam correr e brincar sem coleiras ou guias.

Segundo a diretora, a estimativa para esse ano é que se reúnam cerca de 80 cães de diversas cidades, como Campinas, Indaiatuba, Jundiaí, Mogi, Santos, São José dos Campos, Sorocaba e demais cidades da Grande São Paulo. “Haverá ainda participantes de outros Estados como Rio de Janeiro, Espírito Santo, Paraná, Minas Gerais, Maranhão e Salvador”, conta. “Quem participa pela primeira vez se encanta e não deixa mais de ir!”.

SERVIÇO
Encontro de Westies
Data: Domingo, 19 de Setembro de 2011
Horário: 10h às 16h (foto oficial às 13h)
Entrada: Gratuita
Quem pode ir: proprietários e criadores de cães da raça White West Highland Terrier
Local: Hotel Fazenda para cães Clube de Cãompo - Rodovia SP 300 (Dom Gabriel Paulino Bueno Couto), Km 94,5 – Itu/SP – veja o mapa no site, clicando em localização.
Informações: www.clubepaulistadowestie.com.br e www.clubedecãompo.com.br
Contato: 11 4897-9518/ 9968-4729

SERVIÇO:
Clube de Cãompo – Hotel Fazenda para cães
www.clubedecaompo.com.br
11 4897-9518/ 9968-4729
Rodovia SP 300 (Dom Gabriel Paulino Bueno Couto), km 94,5 – Itu/SP.

Siga o Clube de Cãompo no Twitter!
https://twitter.com/caompo

Saiba mais - O Clube de Cãompo é um hotel fazenda para cães situado em Itu-SP, planejado para hospedar confortavelmente os animais em momentos de viagens e ausência dos proprietários. Com 60.000 m2 de área total, o local possui chalés individuas em departamentos separados para grandes e pequenos animais, com solários higienizados e desinfetados para receber cães de todos os tamanhos e raças. No Clube de Cãompo, o animal também tira férias. A hospedagem inclui alimentação, banho e momentos de lazer em uma ampla área, monitorada por profissionais treinados para lidar com os cães. O hotel fazenda também possui serviços como treinamento de agility, adestramento e obediência, solução de problemas comportamentais, condicionamento físico e o chamado “Day Care”, um dia de diversão e brincadeiras para os cães.

domingo, 1 de maio de 2011

ANIMAIS SÃO MAIS GRATOS DO QUE MUITOS FILHOS POR AÍ A FORA

Em dias tão conturbados, onde os seres humanos matam-se entre si, mães jogam seus filhos fora em caçambas, lixeiras, esgotos; filhos não possuem nem um pouco de gratidão pela vida que receberam de seus pais, ainda existem exemplos de amor, afeição e reconhecimento, por que não dizer 'gratidão' dos seres que são chamados por nós humanos como 'irracionais'.
Quantos pais ao verem este vídeo, não gostaria de receber um abraço carinhoso como este dos seus próprios filhos?
Continuo afirmando: Os animais estão evoluindo enquanto os humanos, embora com tanta tecnologia, parecem estar regredindo.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

AJUDE A DOAR UMA VACINA CONTRA CINOMOSE

A parceria entre a WSPA e a Merial Saúde Animal mais uma vez beneficiará milhares de cães. Pelo terceiro ano consecutivo, a campanha "Cinomose Aqui Não!" vai destinar 5% do total das doses de Recombitek™ (vacina da Merial contra a cinomose e outras doenças) vendidas entre os meses de abril e maio de 2011 para as ONGs afiliadas à WSPA.


O objetivo é ampliar a vacinação de cães contra a cinomose - uma das doenças que mais matam cães no país - e ajudar também os animais carentes, em sua maioria, vítimas de abandono.

Como ajudar?

Você também pode ajudar a combater a cinomose participando de uma passeata virtual. Faça o cadastro do seu animal, e junte-se a cães de todo o país em um grande movimento pelo fim da cinomose!
Mas o sucesso dessa manifestação em prol dos animais depende da sua ajuda. Isso porque a cada 50 cliques no botão "Curtir" na página do Facebook da campanha "Cinomose Aqui Não", uma dose de Recombitek™ será doada à WSPA para distribuição entre as ONGs afiliadas que participam desta campanha. Participar é muito simples. Basta um clique! Espalhe essa idéia e contribua para o sucesso dessa campanha.

Convide seus amigos para participarem fazendo a divulgação pelo Twitter, Facebook e YouTube. Participe! Quanto mais pessoas aderirem à campanha " Cinomose Aqui Não", mais animais serão salvos desse terrível mal.

                                           CURTIR

Acesse agora mesmo o site da Campanha "Cinomose Aqui Não" no Facebook e ajude milhares de animais clicando no botão "Curtir"!
A importância da conscientização >>

Dados da indústria veterinária mostram que enquanto a doença está praticamente erradicada em países desenvolvidos, no Brasil apenas 1 em cada 5 cães é vacinado, ou seja, apenas 20% da população canina. Temos um grande desafio pela frente!

A prevenção da cinomose por meio da vacinação é a melhor forma de combatê-la. Segundo Rosângela Ribeiro, Gerente de Programas Veterinários da WSPA, há exemplos reais do sucesso da vacinação em outros países: “Esta é uma campanha muito importante, visto que o tratamento da cinomose é complexo e, muitas vezes, ineficaz. Foi através da vacinação em massa que países como os Estados Unidos erradicaram a cinomose de seu território”, enfatiza Rosângela.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

SELEÇÃO DE MODELOS CANINOS PARA FILMES E CAMPANHAS PUBLICITÁRIAS

AGÊNCIA SE DESTACA NA SELEÇÃO DE MODELOS CANINOS PARA FILMES E CAMPANHAS PUBLICITÁRIAS

A Cão Modelo é a referência entre o mercado editorial, de publicidade e eventos e os donos de cães que desejam ver seus mascotes em destaque na mídia. Há cinco anos no mercado, a agência agrega profissionalismo ao bem-estar animal e traz um casting variado com cães de diversas raças, portes e idades

Os cães fazem parte dos elementos que mais chamam atenção na publicidade. Com a responsabilidade de serem “melhores amigo do homem”, despertam os sentimentos mais puros e arrancam sorrisos até daqueles que se dizem com o coração mais duro. Foi ao observar essas características e a procura do mercado publicitário por animais com perfis e comportamentos específicos que a produtora Ana Paula Amaral criou a Cão Modelo em 2006.

Atualmente com mais de mil animais cadastrados em todo país, a agência surgiu quando a produtora adotou o beagle Lancelot – hoje muito conhecido e requisitado no mercado artístico. “Eu trabalho há mais de 15 anos com produções fotográficas para revistas e sempre que precisava registrar a imagem de algum cãozinho tinha grandes dificuldades em encontrar”, revela. Mas a carreira do Lancelot começou por acaso, quando Ana Paula estava passeando com o filhote. “Uma empresa de telefonia móvel estava gravando um comercial e quando o viram me abordaram, dizendo que precisavam de um cãozinho alegre e animado para o vídeo”, relembra.

Este foi o primeiro de muitos trabalhos que o beagle já realizou, incluindo até uma mini-série na TV. Vendo o sucesso de Lancelot, amigos começaram a pedir para Ana Paula conseguir oportunidades para seus companheiros de estimação também. “O prazer do dono ao ver seu cão estampado em uma propaganda ou editorial de revista é a minha grande motivação”, diz. “Eles ficam realizados e orgulhosos ao ver aquele que é realmente um membro da família fazendo sucesso”, conta.

Para a profissionalização, foi um passo. Hoje, a agência Cão Modelo seleciona os pets, produz books fotográficos e possui uma equipe com adestrador, dog walker, motorista e profissional de estética canina para oferecer todo o suporte ao dono e ao cliente. “Sempre oriento para que um membro da família do cão esteja presente acompanhando o trabalho, assim ambos ficam mais seguros”, explica.

A Cão Modelo possui um casting com cães de raças diversas, mas de acordo com a proprietária as mais requisitadas são beagle, golden retriever, labrador, jack russel terrier, bulldog inglês e francês e raças raras. Para fazer parte dessa equipe, o cão precisa ser dócil com pessoas e com outros cães, saber os comandos básicos e participar de um teste fotográfico feito pela própria Ana Paula.

A cada mês, a agência recebe aproximadamente 300 e-mails de proprietários querendo cadastrar seus animais e toda semana surgem oportunidades em trabalhos diversos como editoriais, fotos, filmes, campanhas publicitárias e eventos. Há clientes das áreas pet e veterinária, automobilística, telefonia, TV por assinatura, decoração, moda, cama, mesa e banho.

Na Cão Modelo, o bem-estar dos animais está em primeiro lugar. Os top models não trabalham mais do que três horas por dia para evitar qualquer estresse. “Quando há necessidade de um período maior, escalo três cães da mesma raça para se revezarem”, esclarece Ana Paula. O ambiente precisa ter uma temperatura agradável para os pets, água à vontade, comida e, claro, petiscos para premiar o bom comportamento. “Acima de tudo, somos apaixonados por animais e trabalhar com eles é um imenso prazer, desde que seja também uma forma de divertimento para esses cãezinhos”, revela.

A agência também é engajada socialmente. Como o mascote da Cão Modelo, Lancelot, veio de um abrigo, parte dos cachês da Cão Modelo vai para Ongs de proteção animal. Sempre que possível, Ana Paula seleciona um SRD (sem raça definida) dessas Ongs para participação em desfiles ou campanhas publicitárias, desta forma acaba incentivando a adoção. Para conferir o casting da Cão Modelo e ver cada um desses cães artistas, acesse http://caomodelo.blogspot.com/.
SERVIÇO:  AGÊNCIA CÃO MODELO - http://caomodelo.blogspot.com/