Assista nossos programas:

segunda-feira, 3 de maio de 2010

DECRETO PREVÊ MICROCHIP EM CÃES E GATOS

Ministério da Agricultura está elaborando normas para definir a aplicação de identificação eletrônica

Decreto publicado no Diário Oficial da União da edição do dia 30 de março determina que cães e gatos em viagens internacionais apresentem passaporte. O documento trará informações sobre o dono, o animal, as vacinas e os exames exigidos pelos países.

O decreto prevê também a implantação de microchip para identificação eletrônica. Para a entrada nos países da União Européia e Japão, o microchip já é obrigatório.

Líder no segmento de identificação eletrônica lança novo produto
A VIRBAC traz ao Brasil o seu mais recente lançamento, o BackHome Biotec, primeiro microchip feito de material bio-polimétrico, 20% mais leve que os microchips de vidro, o que reduz em até 80% a chance de migração. É inquebrável e totalmente biocompatível.

O sistema de identificação eletrônica BackHome Biotec oferece o armazenamento de um banco de dados mundial e um suporte de atendimento para o usuário. A empresa é líder mundial neste segmento de identificação.

A identificação eletrônica é permanente e segura. O microchip é implantado, sem dor, na pele do animal, próximo da nuca. O cadastramento de animais e proprietários é uma medida muito importante para o controle populacional de cães e gatos e para o controle de zoonoses. Em São Paulo, assim como em muitos municípios do país, já é Lei a identificação de cães e gatos. Além disso, este sistema permitirá, em muito, a diminuição do abandono de animais.

Como funciona?
O primeiro passo é procurar o médico veterinário de sua confiança para implantar o microchip na nuca do animal. Uma vez instalado, o proprietário recebe uma placa de identificação com o número da Central de Atendimento Virbac que deverá ser colocada, de preferência, na coleira do seu pet. Caso o animal perca o rumo de casa, basta a pessoa, que encontrá-lo, procurar um médico veterinário mais próximo que tenha o aparelho de identificação. Ao rastreá-lo o médico terá todas as informações do proprietário em mãos. Se o veterinário não possuir uma leitora, por meio da plaqueta de identificação Backhome, que o animal deverá portar, ele conseguirá entrar em contato com a Central de Atendimento, que indicará a clínica mais próxima que possua uma leitora.

Como Cadastrar?
O BackHome BioTec é um banco de dados mundial para cadastramento de animais identificados eletronicamente. Nele, é possível cadastrar, procurar animais perdidos e localizar os donos de animais encontrados. O cadastramento é simples e seguro, feito por intermédio do site. Além dos dados cadastrais do animal, proprietário e veterinário responsável, o banco de dados permite ainda o arquivamento de informações úteis, como: lembretes de vacinação e vermifugação e histórico clínico, entre outras. O usuário ainda conta com um suporte de Atendimento (0800 136533) para auxílio nos casos em que não for possível conectar à internet.

Sobre o Produto
Microchip FDX-B(ISO standard)
Produzido de acordo com as normas ISO 11784 e NBR 14766, encapsulado em polímero bio compatível PMMA (Polymethylmethacrylato). O microchip bio-polimétrico é totalmente seguro e 20% mais leve que os microchips de vidro, o que reduz em até 80% a chance de migração
Leitora BackHome V500
Especialmente desenvolvida para facilitar o uso. Compatível com os seguintes transponders: FDX-B (ISO standard 11784/85), FDX-A (Destron/FECAVA, Avid/FECAVA), HDX (Tiris) e EM H4102. Possui memória para mais de 1.000 códigos e pode ser ligada diretamente a um computador.
Aplicador BackHome
Possui design anatômico que facilita a aplicação pelo médico veterinário. São equipados com o sistema "Click anti-retorno" que garante a correta e segura aplicação do microchip no tecido subcutâneo.

• Exclusivo microchip biopolímero PMMA: maior segurança, material inquebrável e totalmente biocompatível.
• Redução de até 80% no risco de migração dos microchips quando comparado aos microchips clássicos de vidro.
• 20% mais leve que os microchips de vidro.
• Exclusivo aplicador ergonômico com sistema "click anti-retorno".
• Evita eventual sucção do microchip.
• Assegura posicionamento em local adequado.
• Segurança e credibilidade do líder mundial em identificação eletrônica de animais de companhia.
• Aplicadores individuais e microchips esterilizados.
• Leitora ISO com memória pra mais de 1.000 códigos, que pode ser ligada a um computador. Lê microchips ISO FDX-B, ISO HDX (Tiris), FDX-A (Dextron/FECAVA, Avid/FECAVA) e EM H4102.
• Banco de dados completo.
• Central de atendimento para suporte ao usuário (0800 136533).

Serviço:
Produto - BackHome BioTec

Onde encontrar - Pets shops e clínicas veterinárias do país

Preço sugerido:
• Microchip - consumidor final, entre R$ 100,00 e R$ 120,00 (aplicação única);
• Leitora - para profissionais - entre R$ 950,00 e R$ 1.000,00